Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

Dezenas de focas ficaram presas em terra em cidade do Canadá

Joe Raedle/Getty Images

A velocidade a que a baía congelou pode ter desorientado as criaturas e feito com que se movessem no sentido oposto ao das águas. As focas ficaram presas em Roddickton-Bide Arm, na ilha de Newfoundland. Duas delas morreram atropeladas e receia-se que as restantes possam morrer de fome se não forem devolvidas a tempo ao oceano

Dezenas de focas ficaram presas em terra na cidade canadiana de Roddickton-Bide Arm, na ilha de Newfoundland, bloqueando o trânsito automóvel e entradas para residências e empresas. Duas das focas morreram ao serem atropeladas por um carro e as restantes poderão morrer de fome se não forem devolvidas a tempo ao oceano.

As criaturas ficaram presas em terra depois de as águas mais próximas terem congelado na semana passada, o que impediu o regresso ao oceano. Segundo especialistas, a velocidade a que a baía congelou pode ter desorientado as focas e feito com que elas se movessem no sentido oposto ao das águas.

Imagens partilhadas nas redes sociais mostram as focas presas em estradas e lugares cobertos de neve. A fotografia de um utilizador do Twitter, cuja imagem reproduzimos acima, vem acompanhada da legenda: “Estão a quatro ou cinco milhas [entre seis e oito quilómetros] do oceano e provavelmente estão famintas.”

As autoridades da cidade pediram ajuda ao Governo canadiano, pelo que o Departamento de Pescas e Oceanos deverá intervir e ajudar a salvar as focas. Na terça-feira, a polícia devolveu uma delas ao oceano mas advertiu as pessoas para que não se aproximem das criaturas.

Roddickton-Bide Arm fica numa importante rota de migração de focas.