Siga-nos

Perfil

Expresso

Internacional

49,3ºC: a onda de calor com condições catastróficas na Austrália

ROB GRIFFITH/AFP/Getty Images

Serviço de bombeiros alertou moradores para estarem prontos a acionarem os seus planos de sobrevivência para fogos florestais

Uma onda de calor varre a Austrália, prevendo-se que sejam batidos vários recordes de temperatura esta sexta-feira, enquanto partes do sul do país estão em alerta máximo para condições catastróficas de incêndio.

A cidade de Marble Bar, no noroeste australiano, atingiu quinta-feira 49,3ºC, tendo sido “o dia mais quente desde que os registos começaram na zona em 1901”, segundo o instituto de meteorologia. “A massa de ar sobre a Austrália Ocidental é uma das mais quentes que já vimos e está a causar uma onda de calor de severa a extrema em grandes partes do país”, acrescentou o instituto no Twitter.

Os avisos mais sérios foram feitos para o sul da Austrália, onde se esperavam temperaturas de 48ºC em Oak Valley e de 47ºC em Port Augusta. Na mesma região prevê-se que possam ocorrer condições catastróficas de incêndio ainda esta sexta-feira, quando os ventos do sul atingirem o estado da Austrália do Sul.

O serviço de bombeiros daquele estado alertou os moradores para estarem prontos a acionarem os seus planos de sobrevivência para fogos florestais.

As temperaturas em grande parte da Austrália situavam-se entre 5ºC e 15ºC acima da média para esta altura do ano.