Empresas

Lucro da Ericsson em 2022 cai 17%

20 janeiro 2023 7:39

Foto: Ingegerd Råman

A Ericsson registou um lucro de 19,1 mil milhões de coroas suecas em 2022, menos 17% que em 2021. Só no último trimestre o lucro caiu 39%

20 janeiro 2023 7:39

Em 2022 a Ericsson registou um lucro de 19,1 mil milhões de coroas suecas, o equivalente a 1,7 mil milhões de euros à taxa de câmbio atual, segundo anunciado esta sexta-feira. O valor representa uma queda de 17% em relação ao resultado de 2021.

No ano passado, a empresa sueca de equipamentos de telecomunicações contabilizou vendas de 271,5 mil milhões de coroas suecas (24,32 mil milhões de euros), mais 17% do que no período homólogo. Porém, se retirarmos os efeitos de aquisições e expurgadas de variações cambiais, as vendas do grupo cresceram apenas 3% no ano.

No último trimestre o lucro da empresa foi de 6,2 mil milhões de coroas suecas (555 milhões de euros), menos 39% que no mesmo trimestre de 2021.

Já as vendas, entre outubro e dezembro, cresceram 21%, para 86 mil milhões de coroas suecas (7,7 mil milhões de euros).

De acordo com a nota do grupo, perante estes resultados, será proposto em assembleia geral um dividendo relativo a 2022 de 2,70 coroas suecas (0,25 euros) por ação.

“Continuamos otimistas com as perspetivas de longo prazo para os nossos negócios. No entanto, as perspetivas de curto prazo permanecem incertas” disse, citado na nota, Börje Ekholm, presidente da Ericsson. “Esperamos um bom crescimento de ganhos de participação de mercado, embora não compense totalmente os ‘ventos contrários’ de curto prazo” acrescentou.