Bolsa e Mercados

Mota-Engil 'voa', mas PSI encerra em baixa

25 janeiro 2023 17:02

thana prasongsin/getty images

A Mota-Engil ganhou mais de 7% na sessão desta quinta-feira, mas foi apenas uma de três cotadas que encerraram no ‘verde’. O PSI fechou em baixa, tal como a Europa

25 janeiro 2023 17:02

O PSI, índice de referência da bolsa portuguesa, encerrou a sessão desta quarta-feira em baixa, mesmo com a Mota-Engil a ‘voar’ mais de 7%. No final da sessão, o índice apresentou uma desvalorização de 0,68%, para 5873,46 pontos.

Das 15 cotadas que compõem o PSI, 11 terminaram o dia em terreno negativo, nomeadamente por três dos cinco “pesos pesados” (as cotadas que mais influenciam o índice): Galp, BCP e EDP. A petrolífera perdeu 1,41%, para 12,62 euros por ação, o banco caiu 1,88%, para 0,1879 euros, e a energética decresceu 0,1%, para 4,788 euros.

No entanto, foi a Greenvolt que liderou as quedas, ao perder 2,69%, para 7,96 euros por ação.

Por outro lado, três cotadas encerraram a ‘verde’, incluindo os restantes “pesos pesados”, Jerónimo Martins e EDP Renováveis, que avançaram 0,6% e 0,59%, para 20,06 e 20,39 euros por ação, respetivamente.

Porém, é a Mota-Engil que se destaca com um ‘voo’ de 7,09%, para 1,51 euros por ação.

Na Europa as principais praças também encerraram no ‘vermelho’, sendo que o índice de referência europeu (Stoxx 600) perdeu perto de 0,3%.