Bolsa e Mercados

Bolsa de Lisboa em baixa com BCP a cair 0,95%

16 janeiro 2023 9:53

thana prasongsin/getty images

Depois de abrir em terreno positivo, o PSI estava a negociar em baixa esta segunda-feira de manhã, com o BCP a cair 0,95%, seguido pela EDP e Sonae

16 janeiro 2023 9:53

A bolsa de Lisboa estava a negociar em baixa esta segunda-feira de manhã, a inverter a tendência da abertura, com as ações do BCP a descerem 0,95% para 0,19 euros.

Cerca das 09h15 em Lisboa, o PSI descia 0,10% para 6.025,67 pontos, com nove 'papéis' a avançarem e seis a recuarem.

Às ações do BCP seguiam-se as da EDP e Sonae, que se desvalorizavam 0,60% para 4,80 euros e 0,56% para 0,97 euros.

As ações da Jerónimo Martins, REN e Sonae eram as outras das que desciam de cotação, já que estavam a desvalorizar-se 0,39% para 20,30 euros, 0,20% para 2,55 euros e 0,16% para 12,50 euros.

Em sentido contrário, as ações da Mota-Engil, Greenvolt e Galp eram as que mais avançavam, designadamente 3,37% para 1,35 euros, 0,51% para 7,87 euros e 0,35% para 12,90 euros.

As ações da Altri, NOS e Corticeira Amorim valorizavam-se 0,29% para 5,10 euros, 0,25% para 3,98 euros e 0,23% para 8,86 euros.

As outras três ações que subiam de cotação registavam acréscimos entre 0,05% e 0,15%.

As principais bolsas europeias estavam esta segunda-feira de manhã em alta, numa sessão que não contará com a referência de Wall Street, que vai estar fechada devido ao feriado nacional nos EUA do Dia de Martin Luther King.

Esta semana os investidores vão estar pendentes da reunião de dois dias do Banco do Japão, que se inicia na terça-feira, da qual não esperam alteração da política monetária, bem como das atas da reunião de dezembro do Banco Central Europeu (BCE).

Na sexta-feira, a Bolsa de Wall Street terminou em alta, com o Dow Jones a avançar 0,33% para 34.302,61 pontos, contra o máximo desde que foi criado em 1896, de 36.799,65 pontos, registado em 04 de janeiro de 2022.

O Nasdaq fechou a valorizar-se também 0,71% para 11.079,16 pontos, contra o atual máximo, de 16.057,44 pontos, verificado em 16 de novembro de 2021.

A nível cambial, o euro abriu em baixa no mercado de câmbios de Frankfurt, a cotar-se a 1,0814 dólares, contra 1,0830 dólares na sexta-feira, 1,0849 dólares em 12 de janeiro, um máximo desde abril de 2022, e 0,9585 dólares em 27 de setembro, um mínimo desde junho de 2002.

O euro está a cotar-se acima da paridade face ao dólar desde 07 de novembro, depois de ter estado abaixo da paridade desde 20 de setembro, com exceção para o dia 26 de outubro (1,0076 dólares).

O barril de petróleo Brent para entrega em março de 2023 abriu em baixa no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, mas a cotar-se a 84,49 dólares, contra 85,28 dólares na quinta-feira.