Economia

Banco central da Suíça com perdas recorde de 132 mil milhões de francos em 2022

9 janeiro 2023 13:29

foto denis balibouse/ reuters

O banco central da Suíça perdeu 132 mil milhões de francos suíços no exercício de 2022, devido à desvalorização da sua carteira de ativos e a perdas cambiais

9 janeiro 2023 13:29

O Banco Nacional da Suíça, o banco central do país, teve em 2022 o maior prejuízo desde que foi fundado há 115 anos: 132 mil milhões de francos suíços (134 mil milhões de euros ao câmbio atual), noticia a Reuters esta segunda-feira, 9 de janeiro.

Em 2021, o banco reportara um lucro de 26 mil milhões de francos suíços (26 mil milhões de euros).

A culpa destes resultados está nas desvalorizações registadas no ano passado na carteira de ações e de obrigações do banco central de cerca de 800 mil milhões de francos (810 mil milhões de euros), acumuladas para desvalorizar o franco desde o início da década passada.

A valorização recente do franco suíço face ao euro implicou também perdas cambiais.

A compensar estiveram as reservas de ouro do banco, tendo fechado o ano nas 1040 toneladas e com uma valorização de 400 milhões de francos (405 milhões de euros) face ao ano de 2021.

Esta é a primeira estimativa do banco para o exercício de 2022, devendo os números definitivos ser publicados a 6 de março.