Economia

Índice de produção industrial abranda queda em novembro graças à produção energética

2 janeiro 2023 11:55

morris macmatzen/getty images

O índice de produção industrial passou de uma queda homóloga de 1,9% em outubro para 0,3% em novembro, divulgou o INE. Sem o setor energético, a queda de novembro tinha sido de 1,9%.

2 janeiro 2023 11:55

O índice de produção industrial registou uma queda de 0,3% em novembro face ao mesmo mês do ano passado, num abrandamento face à queda de 1,9% registada em outubro, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE), em dados divulgados esta segunda-feira, 2 de janeiro.

Excluindo o agrupamento industrial de energia, o índice perdeu em novembro, face ao mês homólogo, 1,9%. Em outubro, a queda do índice sem o agrupamento da energia tinha sido de 2,2%. Nas indústrias transformadoras, a variação foi de -0,4% em novembro, face a -1,7% em outubro.

No que toca a subgrupos industriais, em novembro, as indústrias de bens intermédios foram as que registaram maior quebra de produção: este agrupamento viu a produção cair 5,6% face a mês homólogo. Este registo representa um agravamento face a outubro, mês que que o índice perdeu 3,7%.

As indústrias do agrupamento da energia registaram um aumento homólogo de 8,2% em novembro, acelerando face aos 0,1% em outubro.

No agrupamento de bens de investimento, o crescimento foi de 4,9%, abrandando face aos 5,3% de outubro. As indústrias de bens de consumo diminuiram o ritmo de perda em novembro, passando de 3,9% em outubro para 1,2% no mês de novembro.

A variação mensal do índice agregado foi de 3,7% em novembro, face a -1,8% em outubro, com o contributo de todos os agrupamentos industriais. Com destaque para o da energia, que passou de uma variação negativa mensal de 4,5% em outubro para 11,3% em novembro.