Economia

Empresas de energia em Espanha pedem mais de 20 mil milhões de euros de subsídios

27 dezembro 2022 9:02

De acordo com a edição desta terça-feira do jornal “Expansión”, a distribuição de apoios com fundos europeus a projetos de energia está a gerar um forte interesse e entre os grupos na corrida aos subsídios está a EDP

27 dezembro 2022 9:02

As empresas energéticas em Espanha apresentaram candidaturas a subsídios no valor de mais de 20 mil milhões de euros, triplicando o montante disponível no pacote para a recuperação e transformação económica dedicado à energia, e que conta com 6,9 mil milhões de euros de fundos comunitários.

Os números são avançados esta terça-feira, 27 de dezembro, pelo jornal “Expansión”, que indica que entre as empresas na corrida aos subsídios estão grupos como a Iberdrola, Endesa, Repsol, Cepsa e Naturgy, mas também a portuguesa EDP.

O pacote de apoios à energia, que está focado nas renováveis, no hidrogénio verde e no armazenamento, é o segundo maior que Espanha criou, apenas atrás do envelope disponibilizado para a indústria dos semicondutores, que terá apoios superiores a 12 mil milhões de euros.

De acordo com o “Expansión”, no pacote energético há concursos que estão contar com um volume particularmente alto de candidaturas, como é o caso do hidrogénio verde, onde os projetos apresentados quintuplicam o montante de apoios disponível.

Segundo o mesmo jornal, o pacote de apoios foi lançado há um ano, mas só recentemente começaram a ser decididos os primeiros concursos, tendo sido aprovados apoios de mais de 400 milhões de euros, apesar de os projetos apresentados terem solicitado ajudas acima de 1100 milhões.