Economia

Bilhetes do Metro de Lisboa e da Carris aumentam 10% para 1,65 euros

21 dezembro 2022 15:31

nuno fox/lusa

Os bilhetes ocasionais do metro de Lisboa e da Carris vão aumentar 10% em 2023 para 1,65 euros, anunciou o Metropolitano. O preço dos passes Navegante mantém-se inalterado

21 dezembro 2022 15:31

Os bilhetes ocasionais do metro de Lisboa e da Carris vão aumentar 10%, para 1,65 euros por viagem, a partir de 1 de janeiro, mantendo-se inalterados os preços dos passes mensais, infirmou esta quarta-feira, 21 de dezembro, o Metropolitano.

O preço atual de uma viagem no Metropolitano e na Carris através do bilhete ocasional pré-comprado é de 1,50 euros.

No caso dos carregamentos "zapping" em cartões Viva Viagem e Navegante (através de montantes entre os três euros e os 40 euros) cada viagem custará 1,47 euros, mais 12 cêntimos do que este ano (com o custo de 1,35 euros).

Na sua página na Internet, o Metro salienta que em 2023 os bilhetes diários (válidos para as viagens realizadas em 24 horas após a primeira validação) para a Carris/Metro custarão 6,60 euros (6,45 euros em 2022), na Carris/Metro/Transtejo 9,70 euros (9,60 euros este ano) e na Carris/Metro/CP mantém o preço de 10,70 euros.

Tal como tinha sido anunciado pela Área Metropolitana de Lisboa (AML), autoridade de transporte da região, o valor dos passes mensais Navegante mantém-se inalterado nos 18 municípios da região.

No caso do Metro, o Navegante municipal mantém-se em 30 euros nos concelhos de Lisboa, Amadora e Odivelas e o Navegante Metropolitano nos 40 euros.

Para estudantes com idades até aos 23 anos com morada fiscal em Lisboa o passe municipal é gratuito e o Navegante metropolitano para crianças até ao fim dos 12 anos também é gratuito em toda a AML.

O Navegante Metropolitano para utentes com +65 anos custa 20 euros e o Navegante urbano 15 euros.

O passe mensal Navegante família Metropolitano custa por mês 80 euros e o Navegante família Municipal 60 euros.