Economia

PSI segue a "vermelho", em linha com a Europa

11 outubro 2022 8:45

Foto: Euronext

O PSI começa o dia no “vermelho”, tal como as principais praças europeias. Galp lidera as perdas, logo seguida pelo BCP

11 outubro 2022 8:45

O PSI, índice de referência da bolsa portuguesa, abriu a sessão de negociação desta terça-feira em terreno negativo, com a maioria das cotadas a negociar no “vermelho”. Às 8h35, o índice apresentava uma desvalorização de 0,57%, para 5282,03 pontos.

Das 15 cotadas que compõem o índice de referência português, nenhuma se encontra a negociar em alta e apenas uma não regista qualquer variação face ao dia anterior.

Assim, 14 negoceiam no “vermelho”, nomeadamente os cinco “pesos pesados” (cotadas que mais influenciam o PSI): grupo EDP, Galp, BCP e Jerónimo Martins.

É a Galp a cotada que mais perde na abertura da sessão, ao cair 1,06%, para 10,27 euros por ação. Segue-se o BCP, que perde 1,04%, para 0,1237 euros.

Já a EDP Renováveis cai 0,78%, para 20,45 euros por ação, e a “empresa mãe”, EDP, desliza 0,42%, para 4,297 euros.

Por fim, a retalhista Jerónimo Martins é a cotada que menos perde, ao deslizar 0,27%, para 18,41 euros.

Lisboa segue assim a Europa, onde as principais praças também começaram o dia no “vermelho”. Por exemplo, o índice de referência europeu, Stoxx 600, perde aproximadamente 0,6%.