Economia

Cortar nas pensões mais altas e limitar as antecipadas, subir o IMI, flexibilizar contratos de trabalho: as 10 recomendações do FMI

5 julho 2022 17:00

tiago petinga

As receitas fiscais podem subir, sem aumentar (a maioria dos) impostos. A despesa pode descer, tornando o sistema mais equitativo (nomeadamente nas pensões). E a competitividade da economia pode ser reforçada. O FMI voltou a publicar um roteiro ao Governo, sobre como continuar a consolidar contas públicas sem prejudicar o crescimento

5 julho 2022 17:00

A política orçamental "deve manter-se flexível este ano", mas, em 2023, o Governo deve começar a apertar o cinto, dada a necessidade de um trajeto firme na redução da dívida pública. A opinião é do Fundo Monetário Internacional (FMI), expressa na sua análise à economia portuguesa, no âmbito do famoso artigo IV da organização, publicado na passada sexta-feira ao fim do dia, e onde deixa um roteiro a António Costa.