Economia

Lucro da Louis Vuitton dispara 156%, para 12 mil milhões de euros

27 janeiro 2022 18:09

Foto: Getty Images

O grupo francês de produtos de luxo viu a faturação crescer 44% em 2021, com aumentos em todas as linhas de negócio

27 janeiro 2022 18:09

O lucro do grupo LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton disparou em 2021, crescendo 156% face ao ano anterior e alcançando os 12.036 milhões de euros, informou o grupo de produtos e marcas de luxo em comunicado divulgado esta quinta-feira.

As vendas anuais do grupo subiram 44%, para 64,2 mil milhões de euros, alavancadas por um aumento de 46% na faturação do negócio de moda, que fechou 2021 com vendas de 30,9 mil milhões de euros.

Mas todas as linhas de negócio do grupo francês cresceram em 2021. A divisão de bebidas viu as receitas aumentar 26%, para 5,97 mil milhões de euros. A área de perfumes e cosmética também cresceu 26%, para 6,6 mil milhões de euros. E o negócio de relógios e joalharia disparou 167%, para uma faturação de 8,96 mil milhões de euros.

O resultado operacional recorrente do grupo mais do que duplicou em 2021, ascendendo a 17,15 mil milhões de euros.

“A LVMH teve um desempenho notável em 2021, num contexto de recuperação gradual da crise sanitária. Os resultados recorde do grupo não teriam sido alcançados sem a eficiência e excecional capacidade das nossas equipas para se adaptarem e continuarem ligadas aos nossos clientes”, comentou o presidente executivo (CEO) da LVMH, Bernard Arnault.

“Apesar das incertezas que persistem no início deste novo ano, que continua a ser marcado por preocupações de saúde, abordamos 2022 com confiança e estamos convictos de que a LVMH está em excelente posição para fortalecer ainda mais a sua liderança no mercado global do luxo”, acrescentou o CEO da LVMH em comunicado.