Diário

O dia em que a escola voltou à televisão

O regresso da telescola

nuno botelho

Mais de 30 anos depois da última emissão da telescola e com os estabelecimentos de ensino encerrados pela pandemia do novo coronavírus, as aulas voltaram também a ser dadas pela televisão. Agora a cores e em casa, milhares de alunos viram e ouviram outros professores que não os seus a dar aulas de meia hora de Matemática, Português ou Inglês. Será assim todos os dias deste inédito 3º período

20 abril 2020 18:21

Isabel Leiria

Isabel Leiria

texto

Jornalista

Alunos, pais, avós, professores, por dever profissional, curiosidade ou simplesmente para ver havia alguma semelhança com a telescola que nas décadas de 70 e 80 lhes permitiu que fossem mais longe nos estudos, foram milhares os que hoje assistiram ao regresso do ensino pela televisão. Das 9 da manhã até às 17h50, na RTP Memória, houve aulas de Português, Matemática, Ciências Naturais, História, Inglês ou Espanhol, para alunos do 1º ao 9º ano. Isa Gomes, professora do 1º ciclo, foi a primeira a aparecer no ecrã, confessando o nervosismo de ela própria se estrear naquele papel.

“É difícil porque é algo que não faz parte do nosso dia-a-dia. E é uma grande responsabilidade”, explica esta segunda-feira, depois de mais dois blocos gravados de Português para o 1º ciclo do ensino básico nos estúdios da RTP. O truque, conta a professora do colégio Corte Real (Moita), um dos oito estabelecimentos de ensino com professores a participar no #estudoemcasa, é pensar que do outro lado das câmaras estão os seus e tantos outros alunos a ver. “Tem de haver empatia. E nestas condições só se consegue com o olhar.”

Este é um artigo exclusivo. Se é assinante clique AQUI para continuar a ler. Para aceder a todos os conteúdos exclusivos do site do Expresso também pode usar o código que está na capa da revista E do Expresso.

Caso ainda não seja assinante, veja aqui as opções e os preços. Assim terá acesso a todos os nossos artigos.