Siga-nos

Perfil

Expresso

Diário

Deco não vê qualquer justificação para bancos cobrarem utilização do MB Way

Em Portugal são feitas 2,5 milhões de transações por mês em MB Way. Com a cobrança do serviço, a utilização deverá cair

D.R.

Mais de 1 milhão de portugueses que já utilizam a aplicação mas sujeitam-se agora a ter de pagar pelo serviço. Empresa fornecedora frisa que o lançou sem custos, tanto para utilizadores como para bancos

Conceição Antunes

Conceição Antunes

texto

Jornalista

Isabel Vicente

Isabel Vicente

texto

Jornalista

Neste momento há em Portugal mais de 1 milhão de utilizadores da aplicação MB Way que fazem através dela mais de 2,5 milhões de transações bancárias por mês, num sistema com 14 bancos aderentes que cobrem 95% dos cartões bancários que circulam a nível nacional. Para a SIBS, a empresa fornecedora do serviço, são números que “comprovam que tem sido cumprido o desígnio com o lançamento do serviço MB Way”.

A SIBS não quer comentar a decisão dos bancos em começarem a cobrar comissões por um serviço que criou como gratuito, alegando que os bancos são seus “clientes diretos, e cabe a cada um definir de que forma o serviço é prestado aos seus clientes e utilizadores” e as “condições de prestação de serviços”.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. Pode usar a app do Expresso - iOS e Android - para descarregar as edições para leitura offline)