Cultura

CCB garante que mudanças no Museu Berardo não implicam perda de direitos dos trabalhadores

24 janeiro 2023 15:55

josé fernandes

A criação do futuro MAC-CCB para substituir o Museu Berardo fez com que os trabalhadores precários temessem pelo futuro. Ao Expresso, a Fundação Centro Cultural de Belém garante que não haverá deterioração das condições

24 janeiro 2023 15:55

A 30 de setembro de 2022, cerca de 40 assistentes de exposição do Museu Coleção Berardo dirigiram-se por carta ao ministro da Cultura, ao presidente da Fundação de Arte Moderna e Contemporânea – Coleção Berardo (FAMC-CB), aos membros do Conselho de Administração da Fundação de Arte Moderna e Contemporânea – Museu Coleção Berardo, Renato Berardo, André Luiz Gomes, Catarina Vaz Pinto, Elísio Summavielle e Rui Patrício, e ainda ao diretor-geral do Museu Coleção Berardo, Pedro Bernardes. Em causa estavam as preocupações com o futuro laboral. Não tiveram nenhuma resposta oficial, mas, desde então, o ministro, Pedro Adão e Silva anunciou a extinção do Museu Berardo e o regresso da gestão do espaço expositivo para o CCB, com a criação de uma novo nome, o MAC-CCB.