Blitz

Casal denuncia agressões homofóbicas em bar no Porto

Casal denuncia agressões homofóbicas em bar no Porto
Maus Hábitos

Um dos lesados avançou ao “Jornal de Notícias” que irá apresentar queixa do que considera ter sido “um caso nítido e puro de homofobia”. Em comunicado, os responsáveis do Maus Hábitos, bar e sala de concertos na baixa do Porto, confirmam o “claro perfil homofóbico” da situação e afirmam que vão tomar “medidas exemplares” para evitar situações similares

Um grupo de jovens afirma que, na madrugada do passado sábado, foi vítima de agressões no bar/sala de concertos Maus Hábitos, na Rua Passos Manuel, no Porto. Segundo o “Jornal de Notícias”, as alegadas vítimas dizem que a motivação dessas agressões foi de natureza homofóbica.

Citado por aquele jornal, Manuel Oliveira, um dos queixosos, conta que terá sido alvo de insultos homofóbicos na casa de banho do bar. À saída do WC, diz ter sido agredido e empurrado para o chão, à semelhança do seu namorado e dos seus amigos.

Manuel Oliveira afirma ainda que os seguranças tiveram “um comportamento lastimável”, ao decidir expulsá-los do bar, “para sua própria segurança”. No exterior do Maus Hábitos, os jovens foram novamente agredidos. O queixoso irá apresentar queixa do que considera ter sido “um caso nítido e puro de homofobia”.

Nas redes sociais, os responsáveis do Maus Hábitos comçeram por realçar que são “um espaço plural, onde a diversidade e o conforto de tod@s são pontos inegociáveis, não havendo espaço para manifestações de racismo, machismo, homofobia e/ou qualquer forma de preconceito.

Esta segunda-feira, um novo post deu conta de “medidas exemplares” para que “situações similares não voltem a acontecer. Averiguada a situação com claro perfil homofóbico, constatamos que, apesar da experiência dos nossos colaboradores, a situação não foi gerida da melhor forma, não protegendo devidamente as vítimas”, pode ler-se.

Relacionados

Tem dúvidas, sugestões ou críticas? Envie-me um e-mail: clubeexpresso@expresso.impresa.pt

Comentários

Assine e junte-se ao novo fórum de comentários

Conheça a opinião de outros assinantes do Expresso e as respostas dos nossos jornalistas. Exclusivo para assinantes

Já é Assinante?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para se juntar ao debate
+ Vistas