Blitz

O Natal segundo Bruno Aleixo: “É uma época em que estamos obrigados a estar juntos, um mini-Big Brother propenso a explosões”

24 dezembro 2022 9:40

Bruno Aleixo

Convidado da última edição do ano do podcast Posto Emissor, o argumentista João Moreira apresenta “O Natal do Bruno Aleixo”, filme acabado de estrear nos cinemas em que a conflituosa personagem coimbrã que o país aprendeu a amar professa o seu mais profundo desapreço pela quadra que atravessamos, pontuada por “mau tempo, garotos que se deitam cedo e velhotes”. Uma saborosa conversa para ouvir aqui

24 dezembro 2022 9:40

Quase 15 anos depois de surgir em cena como um cometa no humor nacional, Bruno Aleixo chega pela segunda vez ao cinema, agora revivendo Natais do seu passado não isentos de peripécias e contrariedades, entre “prendas manhosas e péssimas refeições”. João Moreira, o seu criador e, com Pedro Santo, um dos argumentistas do filme “O Natal do Bruno Aleixo”, é o convidado do último Posto Emissor de 2022.

No podcast da BLITZ, Moreira explica as raízes do pouco apreço da personagem coimbrã pelo Natal. “[É uma época em que] somos obrigado a estar juntos. Mau tempo, garotos que se deitam cedo, velhotes, e como diz o Pedro Santo, é um mini-Big Brother propenso a explosões”, afirma, aludindo à personalidade irritadiça da personagem Aleixo, mas defendendo que os traços da mesma não se devem exclusivamente à frustração que lhe causaram as festas natalícias retratadas no filme de animação.

Para ouvir a partir dos 4 minutos e 40 segundos: